fbpx

A realidade virtual é uma realidade comercial

bangboo

Sonhar com a realidade virtual já faz parte do nosso passado.

O avanço tecnológico já nos possibilitou ir bem mais longe. De uma utopia cinematográfica, ela se tornou uma realidade acessível nos dias de hoje.

E com certeza pode ser usada em seu planejamento estratégico de comunicação. Nesta matéria, falaremos sobre como a realidade virtual pode ajudar sua marca e como já ajudou várias outras.

Quer saber mais sobre ela? É só seguir para o próximo parágrafo.

Mas antes…

LEIA TAMBÉM

A experiência do cliente vai muito além da venda

Micro influenciador: macro conversão 

Live Streaming: conteúdo em tempo real

O que é a Realidade Virtual?

Por fora, ela mais se parece com um capacete. Fones e óculos especiais, usuário abanando os braços, algo desse tipo. Mas é por dentro, na experiência individual, que a “magia” acontece.

A realidade virtual é um ambiente digital em três dimensões com um enorme poder de imersão. A aparelhagem toda tem apenas uma função: colocar o indivíduo dentro deste ambiente. Mesmo que tudo não passe de um sistema de computador, nosso corpo “pensa” que tudo é real.

Efeitos sonoros e visuais nos dão a sensação de que estamos no local projetado. Seja ele uma casa, o topo do monte Everest ou o espaço sideral, somos transportados para este ambiente.

Pode parecer que estamos falando do futuro, mas não. Este é o presente.

E devemos usá-lo ao nosso favor.

Não confunda com Realidade Aumentada

Para quem já está familiarizado com os termos, é fácil distinguir uma da outra. Talvez você mesmo saiba a diferença. Mas vamos fingir que não só para que possamos explicar o que é a Realidade Aumentada.

Diferente da Realidade Virtual, que te leva para “outra realidade”, a Aumentada te deixa onde você está. Ela não é um novo mundo, com interação totalmente digital ou outras características que já explicamos acima.

A Realidade Aumentada não passa de um “plus” no mundo real. Um acréscimo àquilo que já existe. O cartão de visitas pode saltar na tela do smartphone, o QR Code vira uma bola para embaixadinhas ou Pokémons começam a aparecer no seu escritório.

Mas você continua no mesmo lugar. Ela tem o seu “charme”. Porém, temos que admitir: uma nova realidade é muito mais instigante.

E é isso que buscamos sempre em comunicação: instigar.

Como a Realidade Virtual vira comunicação?

Mídias oferecem entretenimento às pessoas. Sejam elas grandes emissoras de televisão ou redes sociais. O público está lá porque, de alguma forma, aquele universo o mantém entretido.

Com a Realidade Virtual não é diferente. Mas o que a difere de todas as outras é também sua maior virtude: o poder de imersão. Assistir algo é muito diferente de estar dentro de algo.

E é aí que essa tecnologia brilha. Consegue imaginar diversas ações imersivas com o consumidor, onde ele pode testar produtos e serviços? Test-drives em carros, decoração de ambientes, ir diretamente para o destino da sua viagem, entre tantos outros meios de uso.

Repito a pergunta: consegue imaginar? Diversas marcas sim. Trouxemos aqui alguns exemplos de como isso pode funcionar na prática.

  • NIKE: para lançar o modelo de chuteiras Hypervenom, a Nike transformou seus clientes em Neymar. Como a chuteira era feita para o atleta, seu consumidor também poderia sentir, pelo menos por um minuto, como é estar no campo como o camisa 10.
  • VR VACINA: vacinar uma criança é sempre um desafio. Ou era, pois com a ajuda de uma realidade virtual em que ela é um herói, tudo fica mais fácil. O mundo digital interage com a criança enquanto a vacinação acontece.
  • VOLVO: através do aplicativo Volvo Reality, os consumidores da marca podem fazer um Test-Drive em alguns modelos de seus carros. Caso ele goste, pode ir fazer um verdadeiro e, por fim, realizar a compra.

E sabe da melhor parte: nenhuma dessas ações é de 2020. Todas já estão por aí, rodando. Ou seja, porque a sua empresa não pode ser a próxima?

Basta surgir uma oportunidade no planejamento e pronto. Imersão e contato total entre sua marca e o público-alvo.

O virtual como ferramenta comercial

Usar a tecnologia para melhorar seu desempenho em vendas e garantir melhores resultados é o básico que a sua comunicação deve fazer.

O mercado nos dá inúmeras oportunidades de trabalho, de aproximação com o cliente e de conquistar novos objetivos.

Por que não aproveitá-las? Isso nem deveria ser uma pergunta, mas sim uma certeza. Seu negócio precisa trabalhar com todas as ferramentas disponíveis para alcançar o target.

Basta conhecer seu público. E acredite, não é tão fácil quanto parece.

Mas quer uma ideia? Nós podemos te ajudar com isso.

Como? Com várias ideias.

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Estamos operando normalmente em home office em razão do combate ao COVID-19.