fbpx

5 gatilhos mentais para vender seu produto

bangboo

Como você toma uma decisão?

Você já pensou sobre como faz suas escolhas?

Cada pessoa tem um processo individual para chegar até sua compra, mas existem algumas estratégias que podem direcionar o seu cliente de forma favorável para sua empresa, como os gatilhos mentais. 

Esse recurso nada mais é que uma técnica de escrita usada para deixar o texto mais persuasivo e estimular o cérebro do seu cliente a tomar a decisão de compra. 

Ela pode ser aplicada em legendas, blog posts, campanhas, e-mail marketings e onde mais você desejar, desde que você consiga cumprir aquilo que promete. Alguns posts atrás explicamos com mais detalhes sobre essa ferramenta, para ler o artigo completo é só clicar aqui

Mas e para vender seu produto, quais os melhores gatilhos para usar?

Hoje, separamos 5 dos quais acreditamos serem os mais eficazes, continue lendo o artigo para conferir todos!

Índice

1. Escassez

Ninguém gosta de perder uma oportunidade boa, não é mesmo?

Mostrar ao cliente que o que ele tem a perder caso não adquira o seu produto é o papel do gatilho da escassez. Nele, você deve mostrar que não haverá oportunidade melhor para que a sua persona tome a decisão de compra.

A escassez pode vir de várias maneiras, como: 

    – Tempo: quando o produto tem um tempo limite para ser adquirido;

     – Lote: quando a promoção é somente para um lote específico do produto;

     – Bônus: quando o cliente ganha bônus por adquirir um produto por um período ou valor pré-determinado;

      – Vagas: quando existe um limite de vagas para conseguir adquirir um produto/serviço.

Além disso, algumas frases também  ajudam a dar a ideia de escassez. Veja exemplos de frases que dão ênfase a isso: 

        “Corra! Temos poucas unidades disponíveis”

         “Desconto válido só até essa semana!”

Esse gatilho mental trabalha com a ideia de que o cérebro humano quer evitar a dor a todo custo, e a perda de uma boa oportunidade pode ser uma dor muito grande. Então, quanto mais limitada a oportunidade for, mais ela parecerá preciosa, ou seja, o seu público passará a desejar o seu produto. 

Entretanto, é importante sempre lembrar que é preciso trabalhar com números reais para que a credibilidade da empresa não seja colocada em jogo. 

2. Reciprocidade

Você já se sentiu na obrigação de retribuir uma gentileza?

Esse gatilho trabalha com a ideia de que as pessoas gostam de retribuir um favor que você faz a elas.

No meio comercial essas gentilezas podem ser amostras do seu serviço, algum material gratuito informativo, um minicurso que introduza ela no seu nicho, entre outros. 

Dessa forma, você estará mostrando ao seu público que se importa com a dor dele e preocupa-se em ajudar a resolvê-la. Assim, o seu lead ficará agradecido e vai querer retribuir o gesto, podendo vir até a fechar uma compra com você. 

Um dos grandes utilizadores desse gatilho são os  serviços de streamings, que costumam oferecer 1 mês ou mais de acesso gratuito para que os cliente conheçam a plataforma . Assim, caso eles gostem podem vir a assinar depois.

Veja um exemplo de anúncio nesse sentido da plataforma de streaming da Amazon, a Prime Video: 

3. Prova social

Esse gatilho é um dos mais comuns de serem usados para vendas, isso porque é de conhecimento comum que os seres humanos são sociáveis e gostam de pertencer a um grupo. Portanto, vender um produto que faz com que o seu cliente se sinta pertencente a uma classe ou grupo social é uma ótima estratégia. 

Nesse gatilho, a ideia é mostrar que muitas pessoas estão aderindo ao seu produto, é como aquela famosa frase  “x% de especialista usam e recomendam este produto” que você ouve em comerciais de pastas dentais, por exemplo. Ao perceber que tantas pessoas gostam daquele creme dental, o cliente acaba tendo mais confiança em comprar dessa marca. 

Outra forma de usar esse gatilho é através de avaliações de pessoas que já consumiram o seu produto. Expondo os feedbacks do seu cliente para trazer mais confiabilidade para futuros leads.  

4. Urgência

Esse gatilho mental se assemelha muito ao da escassez, mas ele trabalha mais com senso de pressa do cliente. Nele, a ideia é fazer com que o cliente entenda que o tempo de tomar sua decisão está acabando e que ele precisa decidir fazer a compra o mais rápido possível. 

Um grande exemplo desse gatilho é a Black Friday, onde em um dia específico do ano o cliente pode público é apresentado para diversas ofertas que só estão disponíveis durante o período, e em muitas lojas as unidades ainda são limitadas.

Muitos sites também usam artifícios como relógios, para dar sensação de urgência aos clientes, mostrando que as ofertas tem um tempo para acabar. 

A loja online Shopee é um grande exemplo de uso desse gatilho, em seu site a loja faz promoções relâmpagos diárias que tem tempo pré-determinado para acabar. Ao entrar no site o cliente se deparar com uma contagem regressiva, o que dá a sensação de urgência para finalizar a compra

5. Autoridade

Para fechar os 5 gatilhos que te ajudam a vender, apresentamos o gatilho da autoridade. Através dele, sua empresa deve se mostrar uma especialista no assunto para que as pessoas sintam confiança em adquirir os seus produtos. 

Para isso, é necessário que sua empresa já tenha autoridade no nicho em que atua. Veja em post do blog algumas dicas que damos para melhorar a autoridade da sua empresa (clique aqui). 

Outra maneira de utilizar esse gatilho é mostrar, sempre com dados reais, pessoas reconhecidas do nicho que usaram  ou ajudaram a desenvolver o produto. Por exemplo: 

“Metodologia desenvolvida por [profissional especialista na área]”

“Produto utilizado por [pessoa reconhecida]”

Conclusão..

Os gatilhos mentais são essenciais para qualquer estratégia de marketing bem sucedida, com eles você consegue influenciar o seu cliente e muitas vezes fazer até com que ele tome a decisão de compra. 

Porém, é sempre importante lembrar de fazer apenas promessas que você pode cumprir e nunca mentir sobre dados. A integridade da sua empresa deve ser protegida para que seu público sempre tenha confiança em comprar com a sua marca. 

Agora que você já conhece esses gatilhos é hora de montar sua estratégia e partir para as vendas!

Gostou do conteúdo? Leia outros posts como esse: 

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email